Bratislava “Carne” (2012)

Publicado: 1 de março de 2013 em Alternative Rock, Bandcamp, Indie Rock
Tags:,

1488513445-1

1. Jardim Asteca 03:49
2. Curandeiro de Velhos Perdidos 03:24
3. Mapa do Deserto 02:36
4. Discurso Batido 02:04
5. Aconchego 04:40
6. A Massa que dá fortuna 03:29
7. Carne 04:30
8. Fôssemos Gatos 03:22
9. Holga 03:01
10. C’Alma 05:06
11. Vermute 03:00
12. De onde não se vê o céu 03:57
13. Esperanza | Matschulat Remix 03:05

Download / Facebook

Lançado em 21 de novembro de 2012, “Carne” é o primeiro disco cheio do quarteto paulistano Brastislava e sucessor do EP de 2011, intitulado “Longe do Sono”, primeiro trabalho da banda.

Composta pelos irmãos Victor Meira (baixo e vocais) e Alexandre Meira (guitarra e vocais), e pelos paulistanos Edu Barreto (guitarra) e Ricardo Almeida (bateria), a banda traz em seu primeiro disco cheio influências diversas que resultam em um belo e coeso trabalho  composto por 12 canções inéditas e 1 faixa do EP anterior, remixada pelo artista também paulistano Matschulat.

Em “Carne“, com a excelente produção de Claudio Machado, Fábio Santini, Luis Lopes e Victor Meira os músicos também contam com as participações especiais de Brunno Cunha (The Gramophones, Pitty) nos teclados; James Muller (Karnak, Funk Como Le Gusta) na percussão; Daniel Nunes (Constantina, Lise) nos beats eletrônicos; Thamires Tannous nos vocais; e Lucas Weier (Fernanda Cabral, Chimpanzé Club Trio) no acordeon.

Fiquem então com o rock alternativo de altíssima qualidade da Bratislava e com o vídeo recente para a ótima faixa instrumental que dá nome ao álbum, Carne. Altamente recomendado.

Informações adicionais: CARNE é o primeiro disco (full-length) da banda, com 12 canções inéditas e 1 faixa do EP Longe do Sono (lançado em 2011) remixada por Matschulat.

O disco conta a saga de um protagonista sem nome, que vaga por cenários realistas e absurdos – desde uma caminhada pela avenida Paulista até o vislumbre de um jardim asteca no meio do sertão – questionando seus próprios demônios e enigmas, botando em cheque os costumes sociais, a normalidade, os vícios da memória, a vida eterna e o paradoxo da perfeição.

Produzido por Claudio Machado, Fabio Santini, Luis Lopes e Victor Meira no estúdio C4, em São Paulo. CARNE conta com a participação dos amigos Brunno Cunha (teclados), Thamires Tannous (vozes), Daniel Nunes (beats eletrônicos), James Muller (percussão) e Lucas Weier (acordeon).

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s